Respostas
B. Piropo
Anteriores:
< Hardware >
Volte de onde veio
05/07/99

<Como formatar disquetes de 1,44M>
<como se fossem de 720K
>


P: Sou músico amador. Para gravar arquivos MIDI, uso um aparelho que só aceita disquetes de 720 K, que já se tornaram raridade. Como o meu estoque destes discos vem baixando, pergunto: há algum modo de formatar disquetes de 1,44 M como se fossem de 720 K?
R: Em geral a turma faz exatamente o contrário para aumentar a capacidade dos disquetes. Em todo o caso, ai vai sua resposta. Além das características do meio magnético usado no revestimento do disco (que, no seu caso, não faz nenhuma diferença do ponto de vista prático), o que distingue os discos de 3,5" de 720K (também conhecidos como de "dupla densidade") dos de 1,44M (ou de "alta densidade") é um simples orifício. Repare: pegue dois discos, um de 720K e outro de 1,44M e ponha-os lado a lado, com a face da etiqueta voltada para você e a proteção metálica para baixo. Note que ambos apresentam um orifício quadrado com cerca de 5 cm de lado (3/16", para ser exato) no canto superior direito, que pode ser fechado com uma lingüeta móvel. Este orifício, quando aberto, protege o disquete contra gravação. Já no canto superior esquerdo, apenas o disquete de 1.44M apresenta um orifício idêntico, permanentemente aberto. Quando inserido no drive, este orifício se deixa atravessar por um feixe de luz que é captado por uma célula fotoelétrica e informa ao sistema que se trata de um disco de 1,44M. Quando a célula fotoelétrica não é excitada, o sistema presume que o disquete é de 720K. Portanto, para que o sistema trata um disco de 1,44M como se fosse de 720K, basta obstruir a passagem de luz. A forma mais simples de fazer isso é fechar o orifício com uma fita adesiva fosca (evidentemente, a transparente não serve). Assim, o sistema "pensa" que se trata de um disco de 720K e age de acordo. Para formatar um disco virgem, isso é tudo o que é preciso. Mas quando se tenta reformatar em 720K um disco de alta densidade que já tenha sido previamente formatado em 1,44M, o sistema verifica a formatação anterior e emite uma mensagem de erro informando que o disquete está danificado (na verdade, o sistema se "confunde" ao constatar uma formatação de 1,44M em um disquete identificado como de 720K). Para contornar o problema, use o parâmetro "/F:tamanho" do comando Format. Ou seja: insira seu disco de 1,44M com o orifício de identificação tapado no drive (que presumo que seja o drive A), comande do prompt do DOS: "FORMAT A: /F720" (assim mesmo, porém sem aspas) e tecle ENTER. Por último, um conselho: use sempre fita adesiva de boa qualidade para evitar que ela se desprenda dentro do drive.

B. Piropo

 

 


URL: http://www.bpiropo.com.br
Copyright © Benito Piropo Da-Rin
WebMaster:
Atualizada em
(MM/DD/AA) + Hora