Escritos
B. Piropo
Jornal o Estado de Minas:
< Coluna Técnicas & Truques >
Volte de onde veio
10/03/2005
< Vida longa para seu micro >

Uma questão que costuma gerar controvérsias: desligar ou não o computador de mesa quando não em uso? Os leigos tendem a responder com um aparentemente óbvio “sim, claro! se não está em uso por que deixar ligado?”, já que acreditam que manter a máquina ligada apenas enquanto é usada não só economiza energia como também submete seus componentes a menor desgaste, o que aumenta sua vida útil. Ledo engano...

O maior esforço a que os componentes de um computador são submetidos se manifesta justamente durante sua energização logo após o micro ser ligado, quando ocorre um forte pico de tensão (isto é válido para a praticamente todos os dispositivos elétricos e eletrônicos e explica porque a maioria das lâmpadas incandescentes, quando “queimam”, o fazem no momento em que são ligadas). Portanto, submeter o micro a um freqüente liga/desliga contribui significativamente para reduzir sua vida útil. Logo, se você vai interromper o trabalho por um período relativamente curto, digamos, inferior a uma ou duas horas (por exemplo, para almoçar), mais vale a pena deixar o micro ligado.

Então, quando desligá-lo? A resposta certa é “depende”. Por exemplo: micros modernos com gerenciamento avançado de energia (ou APM, de Advanced Power Management) usando uma versão recente de sistema operacional com a interface avançada de configuração de energia (ou ACPI, de Advanced Configuration and Power Interface) podem ser ajustados para reduzir significativamente o consumo de energia e o esforço sobre os componentes quando não estão sendo usados. Com um ajuste bem feito, eles só precisam ser desligados nos casos de longo período de inatividade. Fora isso, devem permanecer sempre ligados.

Os ajustes são feitos através do objeto “Opções de energia” do Painel de Controle. Ao acioná-lo, abre-se a janela “Propriedades de opções de energia” na aba “Esquemas de energia” onde podem ser feitos os principais ajustes. Os mais importantes são os três primeiros, que permitem determinar quanto tempo de inatividade transcorrerá antes de   desligar o monitor, desligar os discos rígidos e colocar o sistema em modo de espera (um estado em que além de desligar o disco rígido e o monitor, o computador entra em uma espécie de “letargia” na qual o consumo de energia é mínimo). Sugiro tempos crescentes, como os exibidos na figura. Eu uso estes ajustes e mantenho meu micro permanentemente ligado, somente desligando em caso de inatividade da ordem de alguns dias.

Isto posto, cabem algumas observações. A primeira é que nem todo sistema suporta o modo de espera. Por exemplo: alguns drivers de dispositivos (especialmente controladoras de vídeo) não permitem que o sistema entre nesse modo. Neste caso, mantenha apenas os ajustes de disco rígido e monitor. E se seu sistema não suportar nem ao menos estes, pelo menos acostume-se a desligar o monitor manualmente antes de se afastar do micro por mais de uma hora, religando-o ao regressar (monitores não apenas consomem bastante energia como são sujeitos a maior desgaste ao se manterem ligados).

E, finalmente, uma observação importante sobre o quarto ajuste da aba “Esquemas de energia”, correspondente ao tempo de inatividade que deve transcorrer antes do sistema hibernar. Eu costumo ajustá-lo para “nunca”. Isso porque, diferentemente do modo de espera, o de hibernação efetivamente desliga o micro. A única diferença entre desligar por hibernação ou através de “Menu Iniciar/Desligar/Desligar” é que, antes de hibernar, todo o conteúdo da memória é copiado para o disco rígido, sendo transferido de volta para a memória ao religar, o que evita carregar novamente os programas e documentos que estavam abertos imediatamente antes de hibernar. Mas o esforço sobre os componentes ao religar é o mesmo. Use então a hibernação (que pode ser acionada através de “menu Iniciar/Desligar/Hibernar”) apenas quando for preciso desligar o micro rapidamente, estiver com muitos documentos abertos e deseja, ao religar, retomar o trabalho exatamente no mesmo ponto, evitando fechar cada documento ou programa ao interromper o trabalho e reabri-los mais tarde ao religar o micro e voltar à labuta.

B. Piropo


URL: http://www.bpiropo.com.br
Copyright Benito Piropo Da-Rin
WebMaster:
Topo da Página
Atualizada em
(MM/DD/AA) + Hora
Wagner Ribeiro ]