Escritos
B. Piropo
Jornal o Estado de Minas:
< Coluna Técnicas & Truques >
Volte de onde veio
12/06/2008
< Mantendo a cabeça limpa >

Impressoras tipo “jato de tinta” imprimem lançando microscópicos jatos de tinta sobre o papel para gerar pontos com cerca de 50 milésimos de milímetro de diâmetro. O jato é produzido por bocais ligados a cartuchos que se movimentam em frente ao papel. Cada cartucho corresponde a um conjunto de bocais denominado “cabeça de impressão”. A movimentação desta cabeça permite que os pontos sejam aplicados com extrema precisão, misturando proporcionalmente três cores primárias para gerar nuances de qualquer cor.

Evidentemente, para conseguir gerar pontos assim minúsculos, o diâmetro dos bocais das cabeças de impressão deve necessariamente ser muito pequeno. E assim é, de fato: um fio de cabelo humano é demasiadamente grosso para atravessar o bocal.

Por outro lado, a tinta que escoa através do bocal é solúvel em água. Na verdade ela é uma solução aquosa de pigmentos que, quando exposta às condições ambientes, seca. E, secando, pode causar a obstrução dos finíssimos bocais.

Há dois tipos de cabeças de impressão para impressoras de jato de tinta: as que usam a tecnologia térmica e as que usam a tecnologia piezoelétrica. Em ambas, uma minúscula gotícula (sim, eu sei, “minúscula gotícula” é pleonasmo, mas a gota é tão pequena, da ordem de três picolitros, ou trilionésimos de litro, que não vejo outra forma de me referir a ela senão pleonasticamente) é introduzida em uma câmara igualmente pequena. Nas térmicas esta gota é aquecida por uma resistência até vaporizar-se. A pressão do vapor expele a gota através do bocal. Já a tecnologia piezoelétrica usa uma propriedade de certos cristais que geram pressão quando submetidos a uma tensão elétrica. E é esta pressão que expele a gota através do bocal.

Tanto em um caso quanto em outro, se você deixar sua impressora de jato de tinta muito tempo sem uso corre o risco que a tinta, ao secar no interior dos bocais da cabeça de impressão, acabe por obstrui-los. E bocais entupidos são um dos problemas mais comuns neste tipo de impressora. Comuns e dispendiosos.

Se a impressora usa a tecnologia piezoelétrica, como HP, Canon e Lexmark, caso os bocais venham a se obstruir irremediavelmente, a solução é simples: basta substituir o cartucho já que, neste tipo de impressora, a cabeça de impressão é fornecida com o cartucho. Sai caro, mas resolve. Já nas impressoras que usam a tecnologia piezoelétrica, como a Epson, o problema é bem mais sério, já que este tipo de cabeça faz parte da impressora propriamente dita e substituir uma delas costuma sair mais caro que comprar uma nova impressora.

Então o que fazer? Primeiro, procurar evitar que os bocais se obstruam. E uma boa forma de fazer isso é jamais deixar a impressora sem uso por muito tempo. Eu mesmo tenho uma impressora à qual só tenho acesso nos finais de semana. E jamais deixo de imprimir pelo menos uma página de teste a cada final de semana para prevenir obstrução por falta de uso.

Mas e se a obstrução já ocorreu? Neste caso convém apelar para o procedimento de limpeza da própria impressora. Trata-se de um programa, fornecido juntamente com o CD de instalação da impressora e instalado juntamente com seus drivers, que geralmente funciona (se bem que raramente da primeira vez; mas vale a pena insistir).

Não funcionou? Neste caso, se a impressora é do tipo térmica, remova o cartucho e deixe a extremidade onde se situam os bocais de molho por um par de horas em um pouco de água destilada com uma pequena quantidade de amônia. Se não resolver, troque o cartucho.

Mas se a impressora for do tipo piezoelétrica e o programa de limpeza fornecido com ela não funcionar, melhor apelar para uma boa assistência técnica. Ou então tentar remover as cabeças para deixá-las de molho na mesma mistura de água e amônia. Mas sabendo que se não der certo ou se você danificar as cabeças tentando, terá que trocar a impressora...

B. Piropo


URL: http://www.bpiropo.com.br
Copyright Benito Piropo Da-Rin
WebMaster:
Topo da Página
Atualizada em
(MM/DD/AA) + Hora
Wagner Ribeiro ]