Escritos
B. Piropo
Internet:
< Coluna em ForumPCs >
Volte de onde veio
19/04/2010
< Telefone Esperto >

Meus amigos leitores haverão de ter paciência com este velho escrevinhador que foi obrigado a interromper a série sobre as frescuras do Office 2010 com uma coluna que nada tem a ver com o tema. Mas logo notarão que eu tive boas razões para fazê-lo. Pois nos últimos dias não tenho me dedicado a outra coisa que não lutar contra a tecnologia (minto: tive também que fazer minha declaração de imposto de renda, renda esta que, não obstante minguada, pinga de fontes diversas e por isso mesmo dá um trabalho insano na hora de declarar; mas vocês nada têm a ver com meu problema com o leão, portanto vou deixar este tema de lado).
Mas por que razão teria eu me desavindo com a tecnologia?
Bem, é que durante os últimos anos, para manter meus compromissos em dia e minha lista de endereços e telefones atualizada, tenho recorrido àquilo que eu chamo de “agendinha de bolso” e os mais sofisticados intelectualmente (ou mais pernósticos) chamam de PDA, ou “Personal Digital Assistant” (assistente pessoal digital). E tenho sido muito bem servido por um Palm, uma maquineta que, além de gerenciar as duas agendas de forma mais que satisfatória, faz mais umas tantas coisas como tocar musiquinhas, mostrar retratos e “passar” filmes, além de outras que, como estas, pouco me interessam. O que efetivamente me interessa são as duas agendas. Como minha agendinha de bolso, digo, meu PDA, está demonstrando evidentes sinais de cansaço e começando a recusar-se a entender minha caligrafia (sim, nele a entrada de dados é feita por reconhecimento de texto e de tanto usá-la eu já me habituei me entendo muito bem com ela), chegou a hora de trocá-la.
Acontece que, embora eu ainda consiga adquirir uma delas pela Internet, está cada vez mais difícil encontrá-las no comércio. Nem aqui nem “lá fora”. Há menos de um ano fiz um périplo por aquilo que se costuma chamar de “principais casas do ramo” e não achei um único exemplar. E olhe que eu estava em Nova Iorque. Pior: não houve um só balcão no qual o vendedor solícito, após me informar que já há algum tempo não mais trabalhavam com PDAs, deixasse de oferecer em substituição um telefone esperto (é assim que se diz “smart phone” em português, pois não? Se não é, fica sendo). Que, segundo ele, faria tudo o que faz meu Palm e muito mais.
Resisti enquanto pude, mas por fim tive que me dar por vencido. Embora, parodiando Mark Twain, eu continue achando que “agenda é agenda, telefone é telefone e jamais os dois devem se misturar”, acabei dando o braço a torcer e resignei-me a comprar um telefone esperto. Mas, que diabos, já que eu iria fazê-lo ainda que a contragosto, que fosse o melhor entre os que encontrasse. E, de novo, saí pelas boas casas do ramo (desta vez aqui mesmo no Rio de Janeiro) mostrando a agendinha para os vendedores e perguntando o que eles poderiam me oferecer para suprir os serviços que o Palm me prestava.
Procura daqui, procura dali, e acabei sendo convencido a comprar um Motorola Milestone. Que, segundo diziam, era a última palavra em telefones espertos. Dei uma olhada, verifiquei as características, sondei na Internet e, de fato, pelo que se dizia do bicho, era mesmo uma máquina e tanto. E eu nem poderia dizer que era do tipo que “só faltava falar”. Pois falava.
Falava e fazia mais um monte de estripulias. Comprei. Taí o bicho na Figura 1.

Figura 1: Motorola Milestone

Assim que cheguei em casa, tal qual criança com brinquedo novo, desembrulhei o pacote e dei uma olhada no aparelho. Testei o teclado, mas cada vez que acionava uma tecla surgiam dois caracteres na tela. Certamente meus dedos são muito grossos, pensei. Mas assim que submetê-los a um processo qualquer de afinamento tornar-me-ei um exímio digitador (como ainda não consegui descobrir como afinar meus dedos, o teclado me serve para pouco ou quase nada; e os teclados de toque que surgem nas telas, exceto o do discador do telefone, padecem do mesmo defeito, teclas demasiadamente pequenas para meus dedos – ou, quem sabe seja o contrário: meus dedos é que são defeituosos, grandes demais para as teclas). Mas ainda assim me deslumbrei com tudo o que o aparelho poderia fazer. Desde, é claro, que eu contratasse um pacote de transferência de dados com minha operadora (pelo qual pagarei uma nota preta; não é à toa que o IPEA acaba de publicar os resultados de sua pesquisa que concluiu que o serviço de Internet de alta taxa no Brasil é um dos mais caros e menos eficientes do planeta).
Descobri que, com o tal pacote, o bicho poderia navegar na Internet (é claro que com uma tela de apenas 3,7 polegadas, mesmo considerando sua definição excelente, é preciso ter olhos de águia para tirar proveito disso), tirar fotos, passar filmes, inclusive do You Tube, participar de “bate-papo” eletrônico (“chat”), tocar músicas (ele até é capaz de, tendo “ouvido” uma música qualquer, reconhecê-la e se oferecer para transferir seu arquivo da Internet) e executar mais um mundo de proezas que em nada me interessam embora provavelmente venha a fazer a felicidade de um adolescente. Pena que já passei da idade. O que eu queria mesmo era desfrutar das agendas de compromissos e telefones/endereços.
E como são elas?
Se eu escrever a palavra que melhor as caracteriza, aquele programa que o Paulo instalou aqui no ForumPCs para impedir que os usuários se ofendam mutuamente a cortará impiedosamente. Então, terei que ser sutil. Digamos o seguinte: se eu chegar com qualquer uma delas ao alcance do olfato de um gato, o pobre animal sentiria uma imensa compulsão para enterrá-las. E bem fundo. Se é que me entendem...
A agenda de compromissos até que dá para usar. Não tem qualquer sofisticação mas fornece um calendário e um meio de eu entrar com uma breve descrição do compromisso no dia e hora aprazados. Mas a agenda de telefones e endereços parece uma piada. Chama-se “Contatos” e é de uma pobreza única. Tem só um campo para “Nome” e nenhum para sobrenome. Também só um campo para endereço e nenhum para CEP, cidade, estado ou país, portanto há que se entrar com tudo isso em um único local. Mas o pior não é isso. O mais grave é que para cada “contato” só posso entrar com um número de telefone e hoje em dia as pessoas têm pelo menos três, o de casa, o do trabalho e o celular.
Em suma, uma agenda paupérrima. Como enfiar nela todas as informações que tenho na do Palm? Nesta tenho campos individuais para tudo o que foi dito acima e mais data de aniversário do “contato” e umas tantas outras informações que considero relevantes, além de uma pilha de campos “personalizáveis” aos quais eu posso atribuir qualquer título e entrar com as informações devidas. Para que se tenha uma idéia: enquanto a agenda do Palm oferece 22 campos e mais a possibilidade de anexar oito campos adicionais e toda uma página de comentários (onde costumo manter informações que me ajudam a identificar a pessoa ou empresa tipo “indicada por fulano”, “amigo de sicrano”, além dos nomes do cônjuge e filhos, quando é o caso), a do telefone esperto oferece apenas onze campos que deverão conter todas as informações que guardo sobre meus amigos, conhecidos, prestadores de serviços e o diabo.
Como fazer caber? E, sobretudo, como transferir os dados cuidadosamente armazenados durante anos em meu Palm para o telefone esperto?
Parti imediatamente em busca do manual do usuário para descobrir. Sim, porque eu pertenço àquela estranha espécie de indivíduos que lê manuais de usuário. Infelizmente, tudo o que encontrei foi um folheto destes que cabem no bolso da camisa com vinte ou trinta páginas que informam não mais que o óbvio. Como, ao que parece, esta espécie está em vias de extinção, a Motorola não se deu ao trabalho de editar um manual de usuário que só seria lido por mim e mais cerca de meia dúzia de anciãos em todo o planeta. Instruções de uso, nenhuma. Ensinar a transferir dados? Só os do Google (mais tarde descobri a razão: o sistema operacional do telefone esperto é o Android e, ao que parece, para este sistema os limites do universo coincidem bastante aproximadamente com os do Google e de sua meia dúzia de aplicativos).
Bom, vai ver que está no CD. Afinal, hoje em dia tudo é digitalizado. Vamos a ele.
Nada. No CD há apenas o Motorola Media Link, um aplicativo desenvolvido pela Nero para transferência de fotos, músicas e vídeos entre o telefone esperto e o computador estúpido. Mais nada. Nem um mísero arquivo “leiame”.
Ah, mas como meu telefone velho que seria substituído por aquela maravilha tecnológica também era Motorola e usava o MPT (Motorola Phone Tools) para transferência de dados, quem sabe a solução de meu problema estaria ali? Afinal, o MPT é um programeto bastante razoável. Que nada. O telefone esperto não se entendia com o MPT. Embora esperto, não o foi suficientemente para usar o MPT e seu modelo não consta da lista dos quase cem aparelhos da Motorola que o programa suporta.
Ah, “suporta”! Bela palavra. Quem sabe não estaria aí a solução? Recorrer ao suporte. Mas suporte onde?
No sítio da Motorola, claro. E lá fui eu em busca de ajuda. E descobri que a Motorola oferece suporte através de “bate-papo” eletrônico. Chama-se “Motochat”. Então vamos a ele. Abri meu programa navegador, entrei na < https://motorola-global-portal-pt.custhelp.com/app/utils/chat > página devida, preenchi o formulário e aguardei. Em menos de dois minutos fui atendido por uma graciosa menina (presumo; e se não era graciosa, pelo menos foi educada e paciente) chamada Meire.
A transcrição do “bate-papo”, obtida rigorosamente na base do cortar e colar, seria demasiadamente longa para que vocês a suportassem. Mas aqui embaixo vocês poderão acompanhar a parte que interessa. A única edição que fiz, além de cortar trechos supérfluos, foi corrigir meia dúzia de evidentes erros de digitação, tipo letras invertidas, suprimir meu nome completo de todo o início de linha das minhas “falas” exceto a primeira e suprimir linhas em branco. Mais nada. Aqui vai a parte que interessa de meu diálogo com o suporte:

Meire: Bem vindo ao MOTOCHAT, meu nome é Meire, em que posso ajudá-lo? : Bom dia Benito! : Em que posso ajudar?
Benito Piropo Da-Rin: eu comprei um motorola android e estou bastante decepcionado: a agenda que vem com ele é infantil: a lista de contatos é uma bobagem, só permite a entrada de um único número de telefone por contato. Há alguma forma de melhorar isso?: há produtos que eu possa comprar para ficar com um aparelho que realmente consiga explorar os recursos de hardware que o motorola milestone oferece?: Me refiro especificamente a agenda de compromissos e de endereços/telefones: OK?
Meire: Benito, possui um milestone, e está com dificuldades em relação a agenda do aparelho?
Piropo: não estou com dificuldade nenhuma. Apenas a agenda do aparelho não é satisfatória. Pergunto se existe um produto de terceiros que eu possa instalar no aparelho e ficar com uma agenda decente.
Meire: Eu compreendo a sua insatisfação, mas quais as opções da agenda do aparelho, que não consegue acessar, por gentileza?
Piropo: ...  Vamos começar pela agenda de telefones e endereços. Há alguma forma de eu cadastrar uma pessoa e entrar com mais de um número de telefone? : Por exemplo: dois na residência, um no trabalho e um ou dois celulares, todos na mesma entrada de um único contato?: Ou esse telefone foi feito para falar com pessoas que só têm um telefone?
Meire: Apenas consegue inserir, um número para cada contato, correto?
Piropo: eu apenas consigo inserir um número para cada contato e, ao contrário da senhora, NÃO acho isso correto. Pessoas costumam ter mais de um número de telefone.
Meire: Sim, mas infelizmente é uma característica do aparelho, é possível colocar mais de um número na agenda, porém para cada número será salvo um contato, em apenas um contato ser inserido vários números de telefone, não há essa possibilidade: Eu peço desculpas, mas sendo uma característica do aparelho, não há como ser alterada no momento.
...
Meire: Benito, os aparelhos da Motorola, são desenvolvidos para melhor atender o cliente, infelizmente não temos como alterar uma função, que faz parte do software do aparelho e que desde a fabricação é configurada com o mesmo, como é o caso da agenda e outras funções do aparelho. Em relação ao Manual, as informações e funções, estão disponíveis também, em nosso site, caso queira complementar as informações de acesso, e utilização do aparelho.
Piropo: Não encontrei em seu sítio (ou site, em inglês) quaisquer informações sobre o USO do aparelho. Poderia me informar onde elas estão?
Meire: Sim, aguarde um momento, por gentileza.
Piropo: Estou com a página de suporte aberta aqui em frente aguardando sua informação para verificá-la
Meire: Benito, obrigado por aguardar, eu peço que acesse o link abaixo, e no campo superior direito, possui guia do usuário e guia de início rápido para o seu aparelho. [LINK].

Piropo: OK, acabo de entrar nela. Por exemplo, no item "Sincronização" aparece apenas "Sincronização no Google". Lamento informar, mas o mundo é um pouco maior do que o Google. Há formas de sincronizar minha agenda de compromissos (já que a de telefones, que só aceita um número por pessoa, percebo que será impossível) com, por exemplo, meu Palm Tungsten, já que, ingenuamente, comprei o Motorola Milestone para substitui-lo?
Meire: Deseja sincronizar os seus contatos, como agenda de compromissos e calendários?
Piropo: Vamos ser específicos: desejo sincronizar meus COMPROMISSOS anotados em minha agenda Palm Tungsten e no utilitário que a acompanha instalado no meu computador (do qual NÃO existe nenhum equivalente no Motorola Milestone, por incrível que pareça, já que o Motorola Phone Tools não funciona com ele) para a agenda do telefone. Serve também uma maneira de transferir os compromissos do Outlook 2007 para a agenda de compromissos do telefone. Existe essa possibilidade ou a também esta é "uma característica do aparelho que não pode ser mudada"?
Meire: Aguarde um momento, por favor, enquanto eu verifico a informação, por favor.
Meire: Aguarde mais um momento por gentileza.
...
Meire: ... Benito, obrigado por aguardar no atendimento, para a sua solicitação é necessário que verifique uma forma de encaminhar os compromissos que possui em sua agenda Palm Tungsten, para o outlook, para que possa do outlook fazer uma sincronização com o gmail, e do gmail, sincronizar com o aparelho.
Piropo: O que você quer dizer com "uma sincronização com o Gmail"?
Meire: Segue o procedimento, para que possa sincronizar os seus contatos, com o gmail e posteriormente com o aparelho.
[E aqui entra uma longa descrição de procedimento]
Piropo: Você me passou um roteiro para importar CONTATOS do Outlook para o Gmail. Mas isso pouco adianta já que, como a agenda do telefone só recebe um telefone por contato e meus contatos geralmente têm mais de um telefone, o procedimento é inútil. Mesmo porque não foi isso que perguntei. Quanto à agenda do Milestone já concluímos que ela é do tipo "se um gato cheirar, enterra". O que lhe perguntei foi: há como transferir minha AGENDA DE COMPROMISSOS (aquela que guarda os horários de minhas aulas, os dias e horas em que vou viajar, os encontros com os amigos e coisas que tais) do Outlook para a minha AGENDA DE COMPROMISSOS do Milestone?
Meire: Para o procedimento que solicita, os passos para a sincronização são os informados acima, quando fizer a sincronização de dados do outlook com o gmail, e do gmail para o aparelho, os dados vão ficar salvos na agenda corporativa do Milestone.
Piropo: Cara Meire, parece que não estamos conseguindo nos entender. Vou tentar ser mais claro e evitar comentários sobre a qualidade do produto: 1) eu tenho uma agenda de mão Palm Tungsten onde tenho registrado algumas centenas de compromissos .... 2) Eu posso, sim, transferir estes COMPROMISSOS (note que não são contatos, com nome endereço e telefone, são compromissos com assunto, data, hora e comentários) do Palm para o Outlook; 3) pergunto se há alguma maneira de transferir estes dados da AGENDA DE COMPROMISSOS do Outlook para a AGENDA DE COMPROMISSOS (não a de contatos) do Motorola Milestone?
Meire: Benito, eu compreendi perfeitamente a sua solicitação, deseja transferir a agenda de compromissos que possui no outlook, dos seus compromissos que estão hoje na sua agenda Palm Tungsten , para o aparelho, correto? Para esse procedimento, as instruções a serem seguidas são as informadas acima nesse atendimento, onde as informações de sua agenda de compromissos ficará na agenda corporativa do aparelho, apenas. Não tem como ser realizado um procedimento diferente do que foi informado.
[E neste ponto parece que D. Meire percebeu que durante todo este tempo ela estava confundindo agenda de compromissos com agenda de endereços/telefone; e mandou:]
Meire: Me desculpe, agenda de compromissos...”

Foi quando eu desisti. O “bate-papo” prosseguiu por algumas linhas onde eu agradeci o atendimento e coisa e tal, mas ficou por aí mesmo. Quer dizer: tenho um telefone esperto que fala, naturalmente, e além disso faz uma porção de gracinhas das quais eu não gosto nem preciso. Mas as agendas, das quais eu preciso e comprei o aparelho por elas, estão longe de me satisfazerem.
Este bate-papo deu-se há alguns dias. Desde então eu tenho me dedicado com afinco a transferir “na munheca” meus compromissos futuros para a agenda do telefone esperto (de transferir os compromissos passados, que gostaria de ter à mão para eventuais consultas, já desisti) e a dar tratos à bola (ainda se usa esta expressão?) para descobrir o meio mais fácil de gerar um arquivo tipo CSV (texto separado por vírgulas) que contenha, nos poucos campos disponíveis da agenda do telefone, todas (ou pelo menos a maioria) das informações que eu tenho no Palm para poder, então, seguir as instruções de D. Meire para exportá-lo para uma conta do GMail, que passará a conter minha agenda de telefones/endereços.
Deu para perceber porque tive que interromper a série?
Mas prometo que logo, logo, a retomarei. Com ou sem agenda transferida.
Enquanto isso, olho para o Motorola Milestone que eu comprei e me consolo com o fato de que, afinal, ao menos um de nós dois é esperto...

Coluna anterior: < http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=266477 > As Frescuras do Office 2010 II – Nos bastidores...
Próxima coluna: Em breve.

Comentários dos Leitores

B. Piropo


URL: http://www.bpiropo.com.br
Copyright Benito Piropo Da-Rin
WebMaster:
Topo da Página
Atualizada em
(MM/DD/AA) + Hora
Wagner Ribeiro ]